Andorra and the EU

Ar saudável, planeta sadio

07/09/2021 - 08:00
News stories

A salubridade do ar é importante para a saúde das pessoas e para o seu quotidiano. Por outro lado, a poluição atmosférica é o maior risco ambiental que existe para a saúde humana, afetando especialmente mulheres, crianças e idosos. A poluição também tem impacto negativo nos ecossistemas.

clean sky, environment, climate

 

A poluição é prejudicial à nossa saúde e ao nosso ambiente. É a principal causa ambiental de várias doenças mentais e físicas e de mortes prematuras, especialmente entre as crianças, as pessoas com determinadas patologias e os idosos. Além disso, é um dos grandes responsáveis pela perda de biodiversidade, reduzindo a capacidade de os ecossistemas prestarem serviços como o sequestro de carbono e a descontaminação.

 

O tema de 2021 do Dia Internacional do Ar Limpo para um Céu Azul (ligação externa) é "Ar saudável, planeta sadio", que realça os aspetos sanitários da poluição atmosférica, especialmente face à pandemia de COVID­‑19. O objetivo deste ano é dar primazia à necessidade de ar saudável para todos, mantendo simultaneamente o debate aberto a outras questões capitais, como as alterações climáticas, a saúde das pessoas e do planeta e os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável.

Sobretudo nos países em desenvolvimento, a poluição atmosférica afeta de forma desproporcionada as mulheres, as crianças e os idosos, principalmente entre as populações com baixos rendimentos, muitas vezes expostas a elevados níveis de poluição do ar ambiente e de poluição do ar em recintos fechados pelo facto de cozinharem e de se aquecerem a lenha e querosene. A poluição atmosférica é também um problema mundial com impacto de grandes proporções pelo facto de se propagar a longa distância. No contexto do desenvolvimento sustentável, a má qualidade do ar, sobretudo nas cidades e nas zonas urbanas, é um desafio para todos os países.

A luta mundial contra a poluição intensificou­‑se agora mais do que nunca. A comunidade internacional reconhece que melhorar a qualidade do ar pode atenuar as alterações climáticas e que os esforços de atenuação das alterações climáticas podem melhorar a qualidade do ar.

 

zero pollution, clean airClique na imagem para ler a ficha informativa.

A fim de construir um planeta saudável para todos, no Pacto Ecológico Europeu apela­‑se a que a UE melhore a sua capacidade de fiscalizar, comunicar, prevenir e refrear a poluição do ar, da água, do solo e dos produtos de consumo, entre outros aspetos. A 12 de maio de 2021, foi adotado o Plano de ação da UE: "Rumo à poluição zero no ar, na água e no solo".

A visão de poluição zero para 2050 pode resumir­‑se do seguinte modo: reduzir a poluição do ar, da água e do solo para níveis que deixem de ser considerados nocivos para a saúde e para os ecossistemas naturais e respeitem os limites que o nosso planeta pode suportar, criando assim um ambiente livre de substâncias tóxicas. No intuito de acelerar a redução da poluição na fonte, traduz­‑se isto em grandes objetivos para 2030, entre os quais:

  • melhorar a qualidade do ar a fim de reduzir para menos 55 % as mortes prematuras causadas pela poluição atmosférica;
  • melhorar a qualidade da água reduzindo para metade os resíduos do lixo de plástico no mar e para menos 30 % os microplásticos libertados no ambiente;
  • melhorar a qualidade dos solos reduzindo para metade as perdas de nutrientes e os pesticidas químicos utilizados;
  • reduzir para menos 25 % os ecossistemas da UE em que a poluição atmosférica ameaça a biodiversidade;
  • reduzir para menos 30 % o número de pessoas com perturbações crónicas devido ao ruído dos transportes, para além de diminuir significativamente a produção de resíduos e de diminuir para metade os resíduos urbanos.

Com o plano de ação procura­‑se reforçar a liderança da UE nos planos ecológico, digital e económico, criando simultaneamente uma Europa e um planeta mais saudáveis e socialmente mais justos.

Autor