Delegation of the European Union to Cameroon

Capacitar os jovens para um melhor futuro comum

15/07/2020 - 08:30
From the blog

Uma recuperação mais rápida e sólida passa pela capacitação dos jovens. Num momento em que todo o mundo é ser afetado pela pandemia da COVID­‑19, as regiões em desenvolvimento estão mais expostas às suas consequências. No Dia Mundial das Competências dos Jovens, a UE reconhece a importância de melhorar as competências dos jovens para construir um futuro mais próspero para todos.

A pandemia mundial criou pressões sem precedentes em grande escala. Esta situação fez­‑se sentir em especial nas regiões onde as estruturas socioeconómicas são mais frágeis e em que a cooperação multilateral é essencial. Centrar­‑se em particular nos jovens, e na sua capacitação, é fundamental para um desenvolvimento mais rápido e para combater o empobrecimento.

O desemprego crescente é uma realidade em muitos países em desenvolvimento. As gerações mais jovens enfrentam dificuldades de acesso à educação e são frequentemente chamadas a contribuir para o rendimento dos seus agregados familiares, pondo em risco o desenvolvimento das suas zonas locais.

É por esta razão que a União Europeia coloca os jovens no centro das suas políticas e do seu apoio à recuperação durante a pandemia. A UE e os seus parceiros multilaterais e locais estão a trabalhar no sentido de assegurar que seja dada a muitos jovens a oportunidade de melhorar competências, e que, simultaneamente, se criem pontes com as comunidades expostas e se preste apoio sanitário e alimentar. No intuito de dar uma resposta rápida nestes tempos incomuns, a UE apresentou o pacote da "Equipa Europa", que disponibiliza 36 mil milhões de euros para ajudar os parceiros, dando prioridade às regiões e países vulneráveis cujas populações são mais jovens.

Os mercados de trabalho exigem níveis mais elevados de competências, necessidade a que só a oferta de oportunidades de formação permite dar resposta. Os jovens com mais habilitações são mais capazes de contribuir para as suas economias e para o desenvolvimento das mesmas.

A UE está empenhada em ajudar a combater as causas estruturais do desemprego dos jovens promovendo estratégias de desenvolvimento de competências e reformas educativas, nomeadamente no domínio digital. Um desses projetos é o AfricaConnect, que visa estabelecer uma rede de dados regional de elevada capacidade para a investigação e a educação em todo o continente africano. Proporcionar um acesso fiável à conectividade permite a muitos jovens sair da periferia do desenvolvimento.

Com uma gama mais vasta de competências, os jovens estão mais bem preparados para traçar o seu próprio destino e enfrentar desafios. A diversificação das competências dos jovens aumenta as possibilidades de desenvolver economias sustentáveis e ecológicas, e de um maior impacto socioeconómico nas suas regiões.

Nas palavras de Malala Yousafzai, "os nossos livros e canetas são as nossas armas mais poderosas". Por isso, é importante assegurar que os jovens possam ter acesso aos seus livros e canetas para escrever os capítulos do seu presente e do seu futuro.

Secções editoriais: