Delegação da União Europeia em Cabo Verde

União Europeia incrementa o Programa Indicativo Nacional para Cabo Verde em 10 milhões de euros

Ilha do Sal, 18/07/2018 - 20:29, UNIQUE ID: 180718_21
Press releases

Os 10 milhões de euros (cerca de 1 milhão e 100 mil contos) que serão adicionados ao portfólio de cooperação da UE com Cabo Verde terão como objetivo o reforço da governação económica, o desenvolvimento do sector energético e a integração da igualdade de género nas políticas de Cabo Verde.

Ilha do Sal, 19 de julho de 2018

 

COMUNICADO DE IMPRENSA

 

 

Assunto: União Europeia incrementa o Programa Indicativo Nacional para Cabo Verde em 10 milhões de euros (cerca de 1 milhão e 100 mil contos)

 

Por ocasião da visita a Cabo Verde durante a Cimeira da CPLP no Sal, o Director Geral da Cooperação Internacional e Desenvolvimento da União Europeia, Stefano Manservisi, reafirma a importância da Parceria Especial entre a UE e Cabo Verde e manifesta uma vez mais o apoio da União Europeia ao Programa Estratégico de Desenvolvimento Sustentável (2017-2021) de Cabo Verde.

 

Para além dos recentes apoios de emergência prestados pela UE no contexto das consequências da vulnerabilidade de Cabo Verde aos desastres naturais (7Milhões de EUR para a mitigação da seca e do mau ano agrícola + 7Milhões EUR para a reconstrução dos danos provocados pelas chuvas torrenciais em Santo Antão – totalizando cerca de 1 milhão e 500 mil contos), a assinatura deste reforço no âmbito do Apoio orçamental do 11° Fundo de Desenvolvimento é, uma vez mais, expressão da confiança em Cabo Verde enquanto parceiro estratégico.

O novo reforço de 10 milhões de euros (cerca de 1 milhão e 100 mil contos cabo-verdianos) será incluído no contrato de apoio orçamental em curso, elevando o seu total para 74 milhões de euros. Este apoio foi formalizado hoje, dia 19 de julho, na sala Tabanka, Hotel Hilton pelas 10H30.

 

Desde a adoção do Programa Indicativo Nacional em 2014 que os objetivos e prioridades da cooperação para o desenvolvimento evoluíram significativamente, principalmente com a adoção da Agenda 2030 e dos seus Objetivos de Desenvolvimento Sustentável, do Acordo de Paris e da Agenda de Ação de Adis Abeba em 2015. A nível da UE, de ressaltar a Estratégia Global para a Política Externa e de Segurança da UE em 2016 e o novo Consenso Europeu sobre o Desenvolvimento em 2017.

O Comissário da União Europeia para a Cooperação Internacional Neven Mimica, disse: “Os 10 milhões de euros que adicionamos ao nosso portfólio de cooperação com Cabo Verde refletem o nosso apoio continuado a um país com o qual estabelecemos uma parceria especial. Este aumento terá como objetivo o reforço da governação económica, o desenvolvimento do sector energético e a integração da igualdade de género nas políticas de Cabo Verde ".

 

Para mais informações contactar a Delegação da União Europeia em Cabo Verde.

 

 

Secções editoriais: